segunda-feira, 16 de março de 2009

A PASSADEIRA DESERTA

Este acesso á passadeira faz-se de uma forma totalmente desenquadrada do normal fluxo de pessoas. Quem vem dos 3 bicos tem que efectuar um desvio para a poder usar e depois como prenda tem um carreiro de cabras para transpor.
A falta de planificação tem destas coisas; o não usar.



4 comentários:

Anónimo disse...

quanto é que o manel deu para cortar aquele quintal?Ou terá ameaçado o proprietário?

Anónimo disse...

Ponham é os olhos nessa vergonha de alcatrão lá em baixo, foram muito rápidos a raspa-lo, e passado dois meses ainda espera novo tapete. Será que o nosso presidente passa lá por cima com o seu pópó novo ou faz algum desvio pelas estradas de Alvor?? É que nessas eu não vejo buracos!!

Anónimo disse...

Quando andava no liceu tive um excelente professor de português: - Bom a dar a matéria, na relação com os alunos, com uma visão crítica e profunda da sociedade... e recordo-me de algumas matérias que o mestre bem leccionou: "Viagens na minha terra" do Almeida Garrett. E também me recordo que uma das súmulas ou lições que dali retirámos após discussão da profícua leitura da obra de Garrett.
Que era necessário ao poder sair à rua, ver com os seus próprios olhos a realidade, percorrer os caminhos do cidadão comum, andar nos transportes, para, aproximando-se dos governados, melhor e mais justo exercer esse nobre magistério.
Claro que esse professor, passados trinta anos, mudou bastante, como, aliás, mudou o mundo e a forma de fazer política.
Passados os anos lindos da democracia, vieram os anos feios e tristes da corrupção e do alheamento dos novos ditadores face aos verdadeiros anseios da população.
Ah, e já me esquecia, mas não era preciso dizer, o tal bom professor é o hoje o edil Manuel da Luz.

OlharAtento disse...

Na minha terra, que se chama Portimão, chama-se a isto "por a carroça à frente dos bois". Será que se chamar burro a quem planificou esta obra será um grande elogio? Será que os engºs tem o curso nos moldes de bolonha? Ou a pala que lhe colocaram em frente aos olhos não lhes permitem ver a ASNEIRA (que não é a filha do ASNO) que estão a fazer. Parece impossivel uma desorganização tão grande. P.S. (Não é nenhum partido!) Os erros de Portugues, são conseguencia de ter passado quando fui aluno do "Manel Light", na escola M.Tex.Gomes (Grande Homem de Portimão.